Notícias em destaque

  Justiça determina que PRF volte a usar radares móveis em rodovias federais

commentJornalismo access_time12/12/2019 07:29

Decisão derruba ordem do governo federal, que havia suspendido uso dos aparelhos. Segundo determinação, PRF tem 72 horas para restabelecer fiscalização

Seleção Feminina: Pia Sundhage avalia duelo diante do México

commentEsporte access_time12/12/2019 14:00

Treinadora da Seleção Feminina comandou última atividade antes do duelo com a equipe mexicana

Reunião do Conselho Deliberativo

commentCriciúma EC access_time11/12/2019 07:30

Como principal destaque entre as pautas tivemos o orçamento para 2020

Juri condena envolvidos em disputa por terras

Júri em Turvo condena mandante e executores de homicídio motivado por disputa de terras

comment Jornalismo access_time27/07/2019 - 07:23

Reportagem: Jornalismo Eldorado

Um juri em Turvo, nesta sexta-feira (26) atraiu a atenção de toda região extremo sul do Estado. Foram 15 horas de sessão do tribunal que condenou três homens por homicídio qualificado de um agricultor. O relato da assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça é o seguinte:

  • O crime ocorreu em 5 de agosto de 2014, na Serra da Rocinha, no município de Timbé do Sul. Segundo os autos, o réu, apontado como o mandante do crime, e a vítima, um homem de 45 anos, estariam disputando a posse de um terreno do qual cada um se julgava o proprietário. Inconformado com o fato de que a vítima teria erguido uma cerca provisória na propriedade, o acusado resolveu dar fim a disputa e, após contato com os outros corréus, decidiu que iria retomar a posse do imóvel, que julgava ser seu, à força e sob ameaça de armas.
  • Além disso, teria mencionado que se a vítima oferecesse resistência deveriam matá-la e resolver, de maneira definitiva, a situação. Os homens aceitaram a proposta e receberam R$ 2 mil, cada um, como adiantamento pelo ‘serviço’.
    No dia, após confirmar que seu desafeto estava nas terras naquele dia, o réu avisou seus comparsas para que fossem ao local armados. Ao abordarem a vítima, após uma breve discussão com seu com seu desafeto, um dos corréus atirou contra ela, duas vezes, a distância atingindo a cabeça e o braço esquerdo. Mesmo ferida, a vítima tentou fugir, mas foi atingida novamente, de raspão, nas costas e caiu no chão desfalecida. O terceiro homem, com o intuito de atingir o objetivo almejado, aproximou-se do corpo e atirou duas vezes contra as costas do homem.
    O conselho de sentença, presidido pelo juiz Manoel Donisete de Souza, decidiu, por maioria de votos, condenar dois deles, o mandante e um dos autores dos disparos, a 16 anos de reclusão, em regime fechado, por homicídio triplamente qualificado: por motivo fútil, recurso que impossibilitou a defesa da vítima e mediante paga ou promessa de recompensa. Já o terceiro homem foi condenado a 14 anos de reclusão, em regime fechado, por homicídio duplamente qualificado por motivo fútil e mediante paga.
    O magistrado, aplicando o precedente nº 118.770 do Supremo Tribunal Federal, determinou a imediata prisão dos três réus, que deixaram o Plenário do Júri diretamente para o presídio, para início do cumprimento das penas que lhes foram impostas.
    Cabe recurso da decisão no Tribunal de Justiça de Santa Catarina. (Ação Penal nº 0001891-91.2014.8.24.0076)​

content_copyAssuntos relacionados

Mais notícias de Jornalismo

  Justiça determina que PRF volte a usar radares móveis em rodovias federais

commentJornalismo access_time12/12/2019 07:29

Decisão derruba ordem do governo federal, que havia suspendido uso dos aparelhos. Segundo determinação, PRF tem 72 horas para restabelecer fiscalização

  Quinta-feira de máximas superando os 36ºC

commentJornalismo access_time12/12/2019 07:20

Até domingo, máximas ficarão acima dos 30ºC com chance de pancadas de chuva no final do dia

Governador confirma chamada de 500 soldados e 35 oficiais da Polícia Militar no início de janeiro

commentJornalismo access_time12/12/2019 06:50

O reforço é resultado do concurso público realizado neste ano

  Moacir Dagostin é reeleito presidente

commentJornalismo access_time11/12/2019 10:00

Reunião do Conselho Superior da entidade, realizada nesta terça-feira, confirmou a eleição da chapa única inscrita para compor a Diretoria Executiva na gestão 2020-2021

  Lauro Müller: Presidente da Apae é afastado por suspeita de injúria racial, peculato e coação

commentJornalismo access_time11/12/2019 08:13

Afastamento foi determinado pela Justiça e cumprido pela Polícia Civil. Durante operação foram apreendidos documento