Notícias em destaque

Com reforço na cocriação, Expomais retorna em novembro

commentJornalismo access_time24/06/2022 14:42

UniSul, Unibave e Prefeitura de Criciúma juntam-se à Acic, CDL, Esucri, IFSC, Satc, Sebrae, Senac, Sesi/Senai e Unesc para cocriar a sexta edição.

Caravaggio vence o Carlos Renaux fora de casa

commentEsporte access_time08/06/2022 14:52

Azulão da Montanha derrotou equipe de Brusque por 1 a 0

Tigre vence o Vila Nova no Majestoso

commentCriciúma EC access_time25/06/2022 14:52

O gol do confronto válido pela 14ª rodada foi marcado por Maquinhos Gabriel, de pênalti, no primeiro tempo da partida.

Região extremo-sul do Estado recua no controle da Covid-19

Houve piora nos indicadores das regiões extremo sul, grande Florianópolis, médio vale do Itajaí, Oeste e vale do Itapocu em Santa Catarina.

comment Jornalismo access_time13/11/2021 - 16:00

Reportagem: Redação Eldorado

O cenártio da Covid-19 vem melhorando no Estado de Santa Catarina, mas houve uma piora nos indicadores das regiões Extremo Sul, Grande Florianópolis, Médio Vale do Itajaí, Oeste e Vale do Itapocu, observados a partir do aumento na taxa de detecção de casos novos e hospitalizações. Com isso, estas regiões que na semana anterior estavam classificadas em nível moderado (azul), passaram a ser classificadas como nível alto (amarelo), juntamente com as regiões Nordeste e Xanxerê, que permaneceram em alto.

Pela sexta semana consecutiva, nenhuma região do estado foi classificada nos níveis de risco grave (laranja) ou gravíssimo (vermelho). A Matriz de Risco Potencial Regionalizado divulgada neste sábado, 13, aponta 10 regiões como risco potencial moderado (cor azul) e sete regiões alto (cor amarela).

Houve melhora nos indicadores das regiões Extremo Oeste, Foz do Rio Itajaí e Serra, observados a partir da redução na taxa de detecção de casos novos, hospitalizações e óbitos, aliada ao aumento na cobertura vacinal. Com isso, estas regiões, que na semana anterior estavam classificadas como nível alto (amarelo), passaram a ser classificadas como nível moderado (azul), se juntando as regiões do Alto Uruguai Catarinense, Alto Vale do Itajaí, Alto Vale do Rio do Peixe, Carbonífera, Laguna, Meio-Oeste e Planalto Norte, que mantiveram a classificação em moderado.

Por outro lado, houve uma piora nos indicadores das regiões Extremo Sul, Grande Florianópolis, Médio Vale do Itajaí, Oeste e Vale do Itapocu, observados a partir do aumento na taxa de detecção de casos novos e hospitalizações. Com isso, estas regiões que na semana anterior estavam classificadas em nível moderado (azul), passaram a ser classificadas como nível alto (amarelo), juntamente com as regiões Nordeste e Xanxerê, que permaneceram em alto.

content_copyAssuntos relacionados

Mais notícias de Jornalismo

Com reforço na cocriação, Expomais retorna em novembro

commentJornalismo access_time24/06/2022 14:42

UniSul, Unibave e Prefeitura de Criciúma juntam-se à Acic, CDL, Esucri, IFSC, Satc, Sebrae, Senac, Sesi/Senai e Unesc para cocriar a sexta edição.

Festa da Gastronomia: comidas e bebidas com preços acessíveis

commentJornalismo access_time15/06/2022 08:36

Na praça de alimentação que vai contar com 14 restaurantes.

  Agrimensura na Praça: programa especial marca Dia do Engenheiro Agrimensor

commentJornalismo access_time10/06/2022 06:52

Profissionais esclareceram dúvidas da população que passava pela Praça Nereu Ramos na manhã de sábado (04), falaram sobre a profissão e a importância para a construção civil.

Mampituba volta a realizar tradicional Jantar dos Namorados

commentJornalismo access_time07/06/2022 15:23

O evento é aberto para não sócios do clube. Ingressos já estão a venda nas sedes do Clube e no site topedindoingressos.com.br

  Com mais de R$ 1,5 milhão entregues, Campanha Coração Cheio é retomada no Sul | VEJA VÍDEO

commentJornalismo access_time30/05/2022 10:32

Supermercados, fornecedores e instituições filantrópicas envolvidas na ação participaram de programa ao vivo na manhã deste sábado (28), direto da Praça Nereu Ramos.